O ex-presidente Lula (PT) afirmou nesta quinta-feira (10/03) que não existe essa história de já ganhou. Segundo o petista há grandes necessidades de alianças além da esquerda, não só para vencer a eleição. Mas também para governar. Sob essa filosofia, Lula embarca na próxima semana para a região Sul. Por lá, um dos principais compromissos será a filiação do ex-senador Roberto Requião, em evento marcado para o dia 18/03. A viagem seguinte será para Minas Gerais, onde deve firmar aliança com o prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil (PSD).

“A luta não será fácil. Não existe essa de já ganhou. Muita habilidade para construir alianças. Se eu não for conversar com quem votou a favor do impeachment ( da Dilma), eu vou deixar de conversar com 400 deputados. Se ganharmos, precisamos ter também maioria no Congresso Nacional”, disse Lula em suas redes sociais.

“Quero construir o leque de pessoas que possam ajudar a governar esse país para a gente mudar. Quando a gente ganhar, vamos ter que ter maioria no Congresso Nacional, maioria no Senado. Se não, como construir? Temos que construir no processo eleitoral”, afirmou Lula durante entrevista à rádio Itatiaia na manhã desta quinta-feira.

Deixe uma resposta