O novo relatório da Eurasia Group, a maior consultoria de riscos políticos do mundo, indica que a probabilidade de Lula (PT) ser o próximo presidente da República é de 70%. Bolsonaro tem 25% e a chamada terceira via apenas 5%.

Para a Eurasia, Bolsonaro só teria uma possibilidade real de se eleger se seu desempenho no Palácio do Planalto fosse aprovado por mais de 40% do eleitorado. Mas nas últimas pesquisas, em nenhuma Bolsonaro chegou perto desse número. O mais próximo é de 33% de algumas pesquisas capengas.  No geral, Bolsonaro marca em média 27% de intenções de votos e sua rejeição é de mais de 55% do eleitorado.

O percentual de Lula segue inalterado porque na análise da Eurasia as chances de um candidato da chamada terceira via ser eleito caíram de 10% para 5%. Nas últimas semanas, o nome do ex-juiz Sergio Moro para disputar o Planalto foi preterido pela direção do União Brasil. Os pré-candidatos do PSDB, João Doria, e do MDB, Simone Tebet, não avançaram nas pesquisas até o momento. O ex-governador Ciro Gomes (PDT) continua em terceiro lugar, mas distante dos resultados alcançados por Lula e Bolsonaro. A análise da consultoria leva em consideração os resultados de pesquisas de 12 institutos sobre a avaliação de governo, divulgadas entre maio de 2020 e abril deste ano.

Deixe uma resposta